Vanessa Mazza


4

Como funciona a reprogramação mental na prática

Vanessa Mazza 21 de fevereiro de 2015

Sempre digo muito em minhas consultas sobre o poder da reprogramação mental. E, geralmente quando falo sobre isso, a associação com o livro O Segredo se torna imediata, porém, é importante ressaltar algumas coisas.

Meu primeiro contato com este assunto foi em 1998, quando minha mãe, que havia acabado de perder seu pai, reencontrou “por acaso” (eu prefiro dizer “pela sincronicidade da vida”) um livro chamado O Poder do Subconsciente. Nele, o Joseph Murphy explicava, em termos gerais, que nossas mentes são formadas por três partes: consciente, subconsciente e inconsciente. Então, enquanto a mente consciente é aquela que vê, ouve e raciocina e a inconsciente é aquela dos atos mecânicos, como respirar, digerir, andar, etc, é na mente subconsciente que ficam retidos todos os nossos pensamentos, hábitos e padrões comportamentais.

Segundo ele, a mente subconsciente absorve tudo aquilo que pensamos e acreditamos. Conteúdo este não necessariamente composto por 100% de verdades. Por exemplo, toda vez que dizemos: “isso é muito difícil para mim”, o subconsciente absorve e entende como certo. Ele não julga, diferentemente da mente consciente. Ele simplesmente aceita e armazena. Dessa forma, repetindo sempre que aquilo é difícil para você, este conceito ficará tão enraizado, que cada vez que você tentar, irá fracassar, o que só alimentará ainda mais sua frustração e o pensamento de impotência ficará mais forte e mais constante.

Desse modo, reprogramar a mente é substituir padrões antigos, verdades inconvenientes, por outros que lhe sejam favoráveis. Afinal, somos moldáveis, somos perfeitos e divinos. Podemos de fato evoluir o tanto que nos predispormos. É o nosso livre-arbítrio em ação.

E como fazer isso?

Da mesma forma como o fazemos todos os dias, só que com coisas ruins e negativas. Vamos repetir diariamente e o tempo todo novas verdades, substituindo pensamentos negativos e limitadores e impedindo-os, inclusive, de se manifestarem. Muitos dirão que isso é difícil (olha lá o padrão acontecendo de novo…), mas cabe a cada um de nós se vigiar, se observar e, prestando atenção, começar a orar. Pois estas mentalizações nada mais são do que orações, no sentido mais puro da palavra, que é o de se limpar energeticamente de tudo aquilo que pode nos prejudicar.

Nós não percebemos, mas quando alimentamos pensamentos de raiva, tristeza, culpa, incompreensão, inveja criamos uma aura energética ao nosso redor que irá atrair tudo aquilo – pessoas, situações, objetos – que emitam a mesma energia. Não é a toa que quem está mal por dentro, atraia pessoas desonestas, acidentes, problemas, erros, humilhações, faça mal negócios, compre aparelhos que quebram facilmente, fique doente com freqüência e viva constantemente preso num looping de acontecimentos que sempre se repetem.

Você se reconheceu?

Diferentemente do que O Segredo fala e, penso que as coisas são explicadas de uma forma que fazem as pessoas acharem que basta desejar que acontece, a reprogramação mental, na verdade, faz você pensar diferente e enxergar a vida diferente. Pois a realidade não é a mesma para todos, assim como as pessoas não são vistas e sentidas da mesma forma por todos.

Por exemplo, se eu emito uma energia negativa, qualquer pessoa irá emiti-la de volta para mim, me tratando mal, sendo indiferente, errando ou me atrapalhando. Então, o problema sou eu, não a pessoa. Lembra do “é preciso dar para receber?”. Agora, se eu emito uma energia positiva, mesmo que a pessoa não seja de bom caráter, ela não vai conseguir me atrapalhar e, possivelmente, será até compreensiva e colaborativa comigo.

Enfim, vamos começar a reprogramar esta mente?

A partir de agora colocarei mensagens para que vocês possam colecionar e usar de acordo com sua necessidade diária. Elas irão abarcar situações diferentes e, mesmo que você não encontre uma que lhe satisfaça completamente, é só substituir algumas expressões ou palavras e formar uma mensagem personalizada.

O importante, para que funcione, é que:

  • reflita o que você quer para sua vida de verdade;
  • não vá prejudicar ninguém;
  • você leia as frases acreditando que está acontecendo;
  • não desista nos primeiros dias;
  • leia de manhã ao acordar e de noite ao dormir, para que sua mente consciente não fique lhe invalidando;
  • confie que até que a transição (pensamentos negativos sendo substituídos por positivos) termine, você ainda irá sentir os efeitos da velha vida, mas não desanime. Vai chegar uma hora que pensar positivo será tão normal, que você nem precisará mais fazer as frases de forma disciplinada.

Imagem: laklave.wordpress.com

Comments (4)

  1. Pingback: Você se compraz em ser infeliz?

  2. Pingback: [NATAL] A Princesinha #2 | Leituras de Taróloga

Deixe um Comentário

Login to your account

Can't remember your Password ?

Register for this site!