Vanessa Mazza


0

Dilma Rousseff e o ciclo numerológico

Vanessa Mazza 28 de dezembro de 2010

Da divulgação do governo ao enfoque social, o mandato de Dilma promete algumas mudanças de acordo com a numerologia

Em 1º de janeiro de 2011 um fato inédito se dará no Brasil. Uma mulher passará a ocupar o cargo mais importante da República. Apesar de já termos tidos outras figuras femininas importantes, com a princesa Isabel e sua Lei Áurea, esta é a primeira vez que vemos uma figura feminina ocupar tal posição em nosso país há tão pouco tempo democrático.

E quem é esta mulher?

Todos nós temos muito mais abaixo, escondido, submerso, do que deixamos transparecer aos outros. Isso significa que, apesar de Dilma Rousseff ser uma pessoa tão pública, o quão da mulher, por trás dos holofotes, realmente conhecemos?

Felizmente, a numerologia, com suas pistas deixadas pelos números pode nos ajudar a entender qual é seu momento e suas tendências futuras. Neste sentido, os Anos Pessoais nos auxiliam muito a visualizar os ciclos energéticos pelos quais cada pessoa atravessa.

No caso de Dilma, um ciclo foi recentemente encerrado em 2008, curiosamente quando ela começou a sair das sombras para se tornar uma possível candidata à sucessão de Lula. Como cada ciclo tem nove anos de duração, já imaginamos que até 2017, ela estará envolta com as questões da presidência, esteja ou não diretamente ligada.

E o que esperar a partir de 2011?

Sagitariana, do dia 14 de dezembro, Dilma acabou de entrar em seu Ano Pessoal 3. Ou seja, um ano de grande popularidade, propaganda, comunicação, alegria e festas. Isso pode indicar que o primeiro ano de governo será voltado mais para eventos, do que para grandes realizações. Ela quererá fazer alianças que a ajudarão nos próximos anos e estará mais simpática e comunicativa do que nunca. Talvez alguns considerem que de trabalho efetivo nada esteja sendo feito e que ela continua em campanha eleitoral, até mesmo viajando para muitos países.

Trabalho mesmo será nos anos de 2012 e 2013. Estes sim serão períodos de intensa atividade e principalmente de grandes mudanças. É possível que em 2013, Dilma tome atitudes ousadas ou mesmo que sucumba ao peso das responsabilidades.

Por fim, em 2014, no final do mandato, sua família exercerá grande peso sobre ela e a necessidade de cuidar mais de si mesma e da própria saúde, ficará ainda mais forte.

Por fim, já que cada ano do ciclo nos traz um desafio diferente, podemos sentir que nossa nova presidenta irá focar mais nos assuntos que lhe falam à alma no momento, desse modo, poderíamos resumir seu governo em palavras-chaves:

2011 – divulgação
2012 – organização
2013 – mudanças
2014 – social

Agora só resta esperar!

Deixe um Comentário

Login to your account

Can't remember your Password ?

Register for this site!