Vanessa Mazza


0

Amar as qualidades fenomênicas é ‘gostar’, isso não é amar de verdade

Vanessa Mazza Furquim 17 de fevereiro de 2010

Já que no hemisfério norte, dia 14/2 foi o Dia dos Namorados, vai aí uma mensagem da Seicho-no-ie sobre o amor:

Antes de tudo, envie pensamentos de amor sinceramente. Se você permanecer odiando e criticando alguém no seu íntimo, nenhuma paz poderá perdurar no ‘mundo das formas’, pois este é o reflexo da ‘mente’. Mesmo que pense ter conseguido dar um passo à frente, se não tiver amor, na verdade, não avançou em direção à harmonia, à paz e a todas as coisas boas.

O amor verdadeiramente puro não está contido nem o ‘conflito’ nem a tristeza, ‘ porque o amor é a força mais poderosa. Ninguém poderá prejudicar quem está enviando pensamentos de amor aos semelhantes.

Deve-se cultivar um amor que transcenda o ‘gostar! E o ‘detestar’ deve ser abandonado; do contrário, não se estará verdadeiramente amando.

Adaptado de: Seicho-no-ie/Masaharu Taniguchi

Tags deste artigo: , , ,

Deixe um Comentário

Login to your account

Can't remember your Password ?

Register for this site!